Para os fãs da trilogia “De volta para o Futuro”, ele finalmente chegou: o lendário DMC-12, completou sua viagem no tempo e chega a 2015 vindo do passado.

 

DeLorean DMC 12 (Foto divulgação).
DeLorean DMC 12 (Foto divulgação).

Desde a última quarta-feira, 21 de outubro de 2015, mais precisamente às 16h29 ou “4:29 PM” na história, relembramos a cena memorável da trilogia mais famosa do mundo, ou seja, a viagem do tempo que ocorreu na segunda edição do filme “De volta para o Futuro”, com os personagens Doc. Brown, interpretado pelo ator Christopher Lloyd; Marty McFly, interpretado pelo ator Michael J. Fox; e Jennifer, interpretada pela atriz Elisabeth Shue, que desembarcaram na cidade de Hill Valley, na Califórnia, nos Estados Unidos…

O roteiro da saga é considerado um dos melhores de todos os tempos! Sabemos que o 2015 real é bem diferente do 2015 contracenado no filme, pois ainda não dirigimos carros voadores movidos a lixo, não usamos sapatos ou tênis alto-amarráveis, tão menos somos servidos por garçons-robôs, rs. Contudo, e principalmente aos fãs da trilogia, celebramos os 30 anos da viagem do tempo promovida no segundo longa da série, com um gostinho de quero mais, pois está presente no Brasil, uma réplica do carro de Mcfly! Isso mesmo! O Empresário Edgard Gianullo realizou o seu sonho de criança! Ele conta que desde que assistiu ao filme “De volta para o Futuro”, produzido por Steven Spielberg, na década de 1980, ele passou a desejar um DeLorean DMC-12. E ele teve muita astúcia e muita sorte, pois esse carro foi fabricado apenas entre os anos de 1981 e 1983, e ele arrematou o modelo de 1981 em um leilão na internet. E o “transformou” na mesma máquina do tempo do filme!!

Então, bora falar do DeLorean?!!

Imaginem andar em um DeLorean pelas ruas e se deparar com as caras e bocas das pessoas, praticamente, essas não acreditando que esse carro existe? É isso mesmo o que acontece com o Edgard. O empresário até já se acostumou a dar autógrafos e tirar fotos com as pessoas pelas ruas da cidade. Com certeza, a réplica do carro de McFly arranca sorrisos dos mais velhos e uma reação curiosa tão quanto espantosa dos mais novos, por ver um veículo tão inusitado.

O carro, que circulou apenas 600 quilômetros pelas ruas de São Paulo desde que chegou ao país, tem motor Volvo/Peugeot/Renault V6 2.8, com quase 140 cavalos, é relativamente fraco para os cerca de 1.450 kg do carro. O câmbio é manual, com engates extremamente difíceis. E além do carro não ser nada confortável, faz um tremendo barulho. Seu nome oficial, DMC-12, é de aço escovado, é baixo e suas portas abrem para cima, do tipo “asas de gaivota”.

Para entrar no carro, requer ser bom em exercícios, explicamos melhor: você precisa estar em boa forma e dar um verdadeiro show de flexibilidade! kkk O DMC-12 é apertado mesmo, para duas pessoas, possui teto baixo, visibilidade traseira nula e janelas laterais diminutivas. Quer virar à esquerda ou à direita com o DeLorean? Bom, tem que ter um braço forte, pois a falta de assistência à direção dificulta as manobras e a sua ideia de encarar as curvas vai pro água abaixo…

É meu caro amigo motorista, se você quer chamar a atenção de uma gatinha, esquece!! Pois o DMC-12 está longe de ser um carro bom de guiar e de esportividade. Apesar disso, para quem tiver a experiência de rodar com um ícone do cinema, igual a esse do empresário Edgard, a sensação deve ser única. Para os apaixonados e admiradores da trilogia, não tem preço!

 

Vejam o vídeo abaixo, e apreciem um pouco mais sobre a história da réplica de McFly:

(Vídeo fonte: Estadão/O Jornal do carro)


#AutoPeçasMolinaéoFuturonoPresente! 😉

 

Tópicos #"De volta para o Futuro" #carros #DeLorean DMC-12 #filme #futuro #geral #presente #trilogia #veículos